top of page
  • Foto do escritorConsultora da Desordem

Como fazer um bom destralhe

Atualizado: 14 de mar.



As casas devem ter coisas bonitas, que usamos e precisamos no dia-dia, todo o resto é muito provável que esteja a mais.

Então, por onde se começa?

1 – Começa pelo mais fácil

Pode ser uma gaveta ou um pequeno armário, qualquer coisa simples que garanta que terminas com sucesso, isso dá confiança para depois avançares para o resto.

2 – Define o tempo disponível

Antes de começares e para não deixares o teu trabalho a meio, define o tempo que podes dedicar a esta tarefa, uma manhã, uma tarde, um fim-de-semana ou 1 hora que seja, isso faz com que te concentres e garantas um bom resultado.

3 – Retirar tudo e limpar

Depois de escolhido o alvo a atacar, retira tudo e limpa o sítio onde guardas as coisas. Põe tudo em cima de uma superfície lisa e grande, por exemplo, cama, mesa ou chão (o que seja mais cómodo).

4 – Dilemas sobre o que fica e o que vai embora

As coisas que gostamos muito, que estão em bom estado e que usamos, ficam e voltam para o seu lugar.

Destaco aqui o bom estado, porque muitas vezes usamos coisas velhinhas, quando até temos outras alternativas, mas achamos que ainda dá para usar.

Neste caso, considera o seu destralhe porque aquilo que ainda está bom, pode ser mais útil a outras pessoas, que precisam mais do que tu.

Mas quando surgem muitas dúvidas sobre o que vai ou fica, pergunta assim: se eu ainda não tivesse esta coisa, quanto é que eu daria agora por ela? Dependendo da resposta, ou fica ou vai embora.

Outras vezes pensas que um dia ainda vais usar isto ou aquilo, mas se não usas há anos, é porque não vais usar.

Outras vezes, receias que isto ou aquilo ainda te possa fazer falta, pois se não fez falta até agora, é natural que seja mais útil a outra pessoa.

5 – Destinos do destralhe

Vamos ter 4 departamentos:

a) Para o lixo porque está estragado e não tem arranjo ou não está em condições para mais ninguém usar.

b) Dar à família, amigos ou instituições de solidariedade social

c) Vender em plataformas digitais ou em lojas de 2ª mão

d) Reciclar o que pode ter outra utilidade dentro de casa

Por exemplo, a roupa do dia-a-dia, que passa para roupa de ginásio e que depois passa para roupa de dormir. Tudo certo, na quantidade certa!

6- Garantir que o destralhe saí de casa

Se não tirarmos a tralha de casa, o nosso trabalho não tem grandes resultados, porque na verdade só mudamos a tralha de sítio, que é tudo o que não se quer!

7 – Have fun!

Este processo é para ser divertido, escolhe uma música com bom ritmo e deixa-te levar pelo teu bom senso e pelo estilo da pessoa que és hoje, não pelo que já foste.

Olha e tu? Já sabes por onde vais começar?


Comments


bottom of page