top of page
  • Foto do escritorConsultora da Desordem

O corpo, a nossa primeira casa

Atualizado: 27 de fev.



A semana passada falei sobre Gestão do Tempo.

Uma das coisas que a maior parte das pessoas se queixa que não tem tempo, é para cuidar de si, do seu corpo e da sua saúde.

Por isso o tema de hoje, é sobre o nosso corpo, o conjunto do esqueleto com uma carinha laroca - a nossa primeira casa.

Este corpo que nos transporta e sustém, é uma espécie de autocaravana inteligente, com 4 divisões ligadas entre si:

Temos o corpo físico tão revelador da nossa vitalidade, através dele sabemos o que é a dor e o prazer. O corpo emocional, espaço do sentir e da intimidade, o corpo mental ou racional, onde residem os pensamentos e a consciência, e o corpo espiritual, o que dá sentido à nossa vida.

Vou dedicar um programa a cada uma destas áreas e hoje, é sobre o corpo físico, o que nos estrutura e confere identidade.

O nosso corpo alimenta-se de tudo o que lhe damos, para o bem e para o mal. É uma máquina tão perfeita, que nos avisa quando não está bem, e nós tantas vezes, ignoramos ou tardamos em agir.

Seja um corpo bombado ou vitaminado, flácido ou tonificado, com mais ou menos peso, novo ou de idade, com todas as suas imperfeições e assimetrias, é o corpo que cada um tem para cuidar.

Lembram-se que já vos falei da importância do amor próprio?

Aqui aplica-se na perfeição. Como donos do nosso corpo, temos a responsabilidade de o manter saudável, e para isso, devemos ajustar os nossos hábitos à nossa condição física, que vai mudando com o tempo.

Aqui ficam 3 dicas conhecidas de todos, mas que é sempre bom lembrar:

1 – Alimentação saudável e equilibrada

O regime alimentar escolhido, deve estar de acordo com o que nos faz sentir bem, quando existem dúvidas sobre isso, é bom fazer experiências até descobrir qual é o que faz mais sentido.

2 – Exercício físico

Intenso ou moderado, de acordo com a vitalidade que cada um gosta e precisa de sentir, aqui o bom senso, previne a preguiça e também os excessos.

3 – Qualidade do sono

Cada um deve saber quantas horas precisa de dormir para andar bem, não é igual para todos, mas todos devem zelar por isso.

Ter um corpo saudável é o ingrediente principal da qualidade de vida e bem-estar.

Ouvir e respeitar o nosso corpo, é mais do que prevenir doenças. É cuidar da nossa primeira casa, pelo prazer de a ter bem estimada.

Se por acaso te interessas por este tema, recomendo o livro da Lise Bourbeau, Escuta o teu corpo.

Olha e tu? Existe alguma parte do teu corpo que precisa de mais cuidado?

Comentários


bottom of page