top of page
  • Foto do escritorConsultora da Desordem

Ter um caso com a vida

Atualizado: 15 de set. de 2023


Hoje vou falar sobre o compromisso mais sério que podemos assumir connosco próprios - ter um caso com a vida, o mais belo romance de sempre.

Se pensarmos que a nossa passagem pelo planeta Terra se resume a algumas décadas, damo-nos conta que temos uma vida breve, por comparação com as árvores que podem durar centenas de anos.

Sendo assim, é desejável que a nossa passagem por aqui seja uma experiência tão enriquecedora como gratificante, o que pressupõe que cada um se conheça a si próprio e saiba o que lhe traz bem-estar, numa coabitação pacifica consigo, com os outros e com tudo o que o rodeia.

Quem tem um caso com a vida, cuida da sua casa, a prova maior do amor que tem por si.

Aqui a casa representa a natureza como casa mãe, a casa em sentido material e a casa do nosso corpo, como veículo da nossa presença física, mental, emocional e espiritual.

E porque, como alguém já disse, cada um mora em si mesmo, nesta casa só se quer o que usamos e gostamos, todo o resto é para destralhar, mandar embora a tralha material, mental e emocional que nos pesa, para focarmos a nossa energia e atenção no que contribui para a nossa alegria de viver.

Ter um caso bem sucedido com a vida, é ser-se responsável pelos pensamentos que se alimenta, pelas palavras que se dizem e por tudo o que se faz, de forma a chegar ao fim do dia e perceber o que se pode corrigir ou melhorar, em nome do aperfeiçoamento e da satisfação individual.

Ter objetivos bem definidos, ajuda-nos a manter o foco e ir transformando os problemas ou preocupações em soluções.

Cada um faz a cama em que se deita, por isso quando fazemos a nossa parte e damos o nosso melhor, nada tememos, estamos gratos pelo tanto que temos,

a zona de conforto expande-se e, para onde quer que vamos, levamos o perfume do bem-estar, típico de quem está bem consigo, com os outros e com tudo o que o rodeia.

Quem gosta de estar na sua própria companhia, aprecia o sabor do silencio e conecta-se com o seu sentir, sabe o que é ter um caso com a vida.

Estar com as pessoas certas, no sítio certo, na altura certa é normal neste romance, fiquem atentos aos altos níveis de bem-estar!

Para quem quiser aprofundar estas ideias, recomendo um dos meus livros preferidos, as 4 Verdades do Don Miguel Ruiz, é um bom resumo dos temas abordados aqui.

Olha e tu? Atreves-te o ter um caso com a vida?


Comments


bottom of page